Bombardeados por críticas, deputados decidem revogar auxílio alimentação de R$ 6 mil, mas vão contin - Pimenta Virtual

carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...

carregando...
carregando...
carregando...

Bombardeados por críticas, deputados decidem revogar auxílio alimentação de R$ 6 mil, mas vão contin

Publicada em : 18/08/17 08:23 - Atualizada em : 18/08/17 08:23

temp

Bombardeados por críticas, deputados decidem revogar auxílio alimentação de R$ 6 mil, mas vão continuar tendo direito a R$ 9 mil

"Ante a repercussão perante a sociedade da aprovação do auxílio, a Assembleia Legislativa irá revogá-lo na íntegra, voltando a vigorar nos termos anteriores a sua aprovação", diz a Assembleia em nota divulgada na noite desta quinta-feira.
 
Os deputados estaduais de Rondônia fizeram uma manobra para não ter que prestar contas, com notas fiscais, da verba de R$ 9 mil destinada a custear, mensalmente, a alimentação de cada parlamentar. Eles reduziram esse valor para R$ 6 mil, incorporando-o ao contracheque. Dessa maneira, não precisavam apresentar notas fiscais da despesa. A manobra não deu certo.
 
Nesta quinta-feira, quando a resolução instituindo o tal auxílio alimentação veio a público por meio dos sites jornalísticos e diante da forte reação popular  nas redes sociais, os parlamentares decidiram,  às pressas, voltar atrás e deixar tudo como estava antes: vão continuar recebendo R$ 9 mil em vez de R$ 6 mil para despesas com alimentação. E continuarão a ter que apresentar, no final de cada mês, as respectivas notas fiscais no setor financeiro da Assembleia, o que não aconteceria se tivesse prevalecido a resolução que será revogada pela Mesa Diretora.
 
Veja a nota divulgada pela ALE: 
 
Assembleia Legislativa de Rondônia 
 
Nota Oficial
 
  Em relação à aprovação nesta semana do Projeto de Resolução 377, que institui o Auxílio Alimentação Parlamentar, cabe esclarecer o seguinte:
 
1 - O referido auxílio será revogado, por decisão desta Presidência, com o apoio já da maioria dos deputados estaduais.
 
2 - A criação do auxílio, aprovada em plenário, se deu com a retirada das despesas com alimentação da verba indenizatória, a qual os parlamentares fazem jus na Casa Legislativa. Ou seja, esse elemento de despesa já existia, mas foi separado do valor global da citada verba.
 
3 - Ante a repercussão perante a sociedade da aprovação do auxílio, a Assembleia Legislativa irá revogá-lo na íntegra, voltando a vigorar nos termos anteriores a sua aprovação.
 
4 - A Assembleia tem buscado agir com equilíbrio e em sintonia com a sociedade em todas as suas ações.
 
Maurão de Carvalho
 
Presidente da Assembleia Legislativa
 
 
 

 

Fonte: Tudorondonia
Bombardeados por críticas, deputados decidem revogar auxílio alimentação de R$ 6 mil, mas vão contin


Comentários:

Os comentários aqui escritos não expressam a opinião deste site. Sendo assim, o conteúdo é de total responsabilidade do autor do comentário. Denuncie

Compartilhe:

carregando...
carregando...


 SERVIÇOS

©Copyright 2010-2015 Pimenta Virtual

Clique aqui e conheça a nova linha de bicicletas Cairu

Despachante Moares descomplica sua vida! Clique e saiba mais

Você sabe que dia é a noite da Batata Recheada? - clique aqui e veja

Viveiro e Floricultura Viverde Conheça o nosso espaço