Mensagens de WhatsApp mostram que Diego atraiu Jéssica Hernandes até local do assassinato - Pimenta Virtual

carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...
carregando...

carregando...
carregando...
carregando...

Mensagens de WhatsApp mostram que Diego atraiu Jéssica Hernandes até local do assassinato

Publicada em : 06/10/17 08:07 - Atualizada em : 06/10/17 08:07

temp

O Vilhena Notícias obteve acesso com exclusividade às transcrições das trocas de mensagens de mídia entre a adolescente de 17 anos, Jéssica Moreira Hernandes, morta em 20 de abril deste ano em Cerejeiras, com 13 facadas, e o principal suspeito de ser o assassino, Diego de Sá Parente. 

 

Trama

 

No diálogo, e segundo interpretação da polícia, é possível identificar que Diego tenta num primeiro momento atrair a menor até sua casa, com o pretexto de mostrar provas de que ela estaria sendo traída pelo namorado Ismael José da Silva, mas a adolescente refuta a ideia de ir ao encontro do suspeito na casa dele.

 

As trocas de mensagens não deixam claro, se foi a menor que procurou Diego para ajudá-la a descobrir a suposta infidelidade do parceiro, ou se foi o suspeito, que por conta própria a procurou no intuito de delatar o primo Ismael.

 

Em 18 de abril, Diego envia mensagens via WhatsApp e diz à adolescente ter conseguido clonar o celular da mulher com quem Ismael estaria tendo um caso, e relata ainda ter conseguido interceptar várias conversas, que comprovariam a suposta traição.

 

A partir deste dia, Diego intensifica as trocas de mensagens para tentar convencer Jéssica a encontrá-lo e assim mostrar as supostas provas.

 

Já no dia 20 de abril, data em que foi assassinada, a vítima durante troca de mensagens com o suspeito pergunta como faz para ver o material.

 

“Como eu faço para ver”, pergunta Jéssica.

 

O suspeito então pede para que naquele dia ela falte à escola e propõe que o encontro seja na casa da mãe dele, onde estariam sozinhos e ela poderia ter acesso e ler todas as mensagens interceptadas. 

 

O conteúdo transcrito está presente em 28 páginas do processo.
Clique Aqui e veja toda a conversa

 

Namorado é inocentado

   

No dia 08 de setembro o juiz Jaires Taves Barreto da 2º Vara Criminal da Comarca de Cerejeiras, absolveu Ismael José da Silva da acusação de ter assassinado em 20 de abril deste ano a namorada Jéssica Moreira Hernandes de 17 anos. Na mesma sentença o magistrado aceitou a denúncia contra o primo dele, Diego de Sá Parente que se tornou o único suspeito pela morte da garota.

  

Diego será submetido a júri popular.

   

Mesmo com a absolvição, o Ministério Público do Estado de Rondônia recorreu da decisão por acreditar que Ismael possui envolvimento na morte e pediu para que o namorado da vítima seja submetido a julgamento, e que, júri decida se ele é ou não culpado. A defesa de Ismael diz estar tranquila e garante que não há nos autos qualquer indício que o ligue ao crime.

 

 

 

FONTE: VILHENA NOTICIAS

Mensagens de WhatsApp mostram que Diego atraiu Jéssica Hernandes até local do assassinato


Comentários:

Os comentários aqui escritos não expressam a opinião deste site. Sendo assim, o conteúdo é de total responsabilidade do autor do comentário. Denuncie

Compartilhe:

carregando...
carregando...


 SERVIÇOS

©Copyright 2010-2015 Pimenta Virtual

Clique aqui e conheça a nova linha de bicicletas Cairu

Despachante Moares descomplica sua vida! Clique e saiba mais

Você sabe que dia é a noite da Batata Recheada? - clique aqui e veja

Viveiro e Floricultura Viverde Conheça o nosso espaço